quarta-feira, 3 de agosto de 2016

Filme desafiando gigantes

Filme desafiando gigantes







A coisa surpreendente sobre o filme desafiando gigantes é que a maioria das pessoas que trabalharam nele não são profissionais, mas voluntários de Sherwood Baptist Church em Albany, Georgia. É um filme com atores, e pastores não pagos, são desconhecidos. A única ajuda externa recebeu foi a de alguns profissionais que lhes ensinaram como fazer um filme.








A idéia para o filme surgiu a partir de dois irmãos, Alex e Stephen Kendrick, que são os dois pastores associados na igreja. Na verdade, é seu segundo longa-metragem. Eles continuam a sua missão de mostrar aos outros como Deus pode interagir conosco neste novo filme.


No Desafiando Gigantes, Grant Taylor é treinador de futebol da High School Grant Taylor. Taylor se depara com a possibilidade de perder o emprego porque a sua equipa de futebol não ganha há muitos anos. Ele enfrenta traição, inadequação e infertilidade. Sua casa e carro estão caindo aos pedaços. No final, o treinador Taylor, como Jó da Bíblia, resolve em confiar em Deus, não importa o que acontece com ele.




Os irmãos Kendrick produziram este filme para espalhar a mensagem de fé em Jesus Cristo e o impacto positivo que pode ter sobre os outros. Temas cristãos fortes estão em abundância, e muitas cenas contêm referências explícitas à Bíblia. O treinador Taylor ainda usa versos de Neemias sobre a construção de uma parede para motivar a sua linha defensiva no campo.


O público vai ver um testemunho do poder de Deus e misericórdia para enfrentar os gigantes. O filme tem uma lição para que todos possam aprender a confiar em Deus.


Outro ponto forte é a sua cinematografia. Você vai sequências de jogo de futebol emocionantes e o momento em que o treinador Grant fala com Deus em um campo perto de sua casa.

Este filme tem uma forte história baseada na fé, mas é aí que reside também uma fraqueza. O diálogo pode ser uma distração às vezes. O fluxo da história do treinador Taylor é interrompido por algumas cenas que levam você de volta para a realidade.




Algumas coisas poderiam ter sido melhores: o início e o agir. A primeira parte do filme é um pouco lenta, mas é rapidamente esquecida quando a história começa a ir por um caminho. Além disso, a história é previsível, às vezes. No entanto, a inclusão de algum alívio cômico pelos dois treinadores assistentes e outros é um ótimo complemento para a história.


A maioria dos filmes tem um objetivo - ganhar dinheiro nas bilheterias. Não é assim com Desafiando Gigantes. Foi feita exclusivamente para encorajar os crentes e alcançar aqueles que não professam a fé em Cristo.


Infelizmente, este filme pode ser limitado a uma audiência mais estreita do que os produtores desejam. Não há dúvida de que os cristãos vão se divertir e ser abençoados pela história de superação. No entanto, os não-cristãos podem não ser tão receptivos a ele por causa de suas implicações religiosas.


O fato é que Desafiando Gigantes foi um projeto incrível feito por uma igreja. Cinema não é tarefa fácil, mas Sherwood Pictures produziu um filme de sucesso. Embora não seja premiado com o Oscar, é um filme edificante que maioria dos espectadores vai desfrutar.




#Compartilhar
Traduzido Por: Mais Template - Designed Seo Blogger Templates