quarta-feira, 3 de agosto de 2016

GÊNIO INDOMÁVEL

GÊNIO INDOMÁVEL













O desempenho de Matt Damon e Robin Williams eleva o filme Gênio indomável "Good Will Hunting", um drama psicológico de Gus Van Sant. Centrando-se em um brilhante jovem da classe trabalhadora.



Gênio indomável um drama que aborda a complexa relação entre, um garoto extraordinariamente talentoso e áspero e seu terapeuta igualmente perturbado. Tematicamente, o filme relembra "Gente como agente", de Robert Redford e, especialmente, Jodie Foster de " Mentes Que Brilham ", que também girava em torno de um gênio jovem da classe trabalhadora.


No entanto, é uma prova de talento idiossincrático de Van Sant que dota a narrativa, particularmente nos primeiros capítulos, com o humor niilista e estilo enganosamente casual que têm marcado o seu melhor trabalho, "Drugstore Cowboy" e o mais excêntrico, "garotos de programa."


Damon e Ben Affleck são protagonistas em Gênio indomável (Will Hunting) . Will, interpretado por Damon, é um rapaz de 20 anos que trabalha como faxineiro no MIT e passa a maior parte de seu tempo com seus amigos grosseiros no bar da vizinhança. Will, abençoado com uma certa genialidade, que nunca freqüentou a faculdade pode convocar referências históricas obscuras com base em sua memória fotográfica excepcional. Ele também pode resolver difíceis problemas matemáticos com uma facilidade melhor do que os alunos mais ricos e mais educados do MIT.


Quando o professor Lambeau apresenta um desafio de matemática para seus alunos com uma recompensa, Will anonimamente resolve a fórmula em um quadro negro colocado no corredor da escola. Lambeau começa uma busca pelo aluno misterioso, e encontra Will. É a única maneira de Will para obter a condicional depois de uma série de desentendimentos com a lei. Lambeau faz duas condições para o gênio: que vá se encontrar com ele uma vez por semana para uma sessão de matemática e que ele começar a terapia.


Uma sucessão de psicólogo tenta ajudar Will, usando várias técnicas (incluindo hipnose), mas ele não vai cooperar. Finalmente, Lambeau convoca seu velho colega alienado, Sean McGuire (Williams), um professor universitário da comunidade e terapeuta - e o drama real começa.


Em essência, roteiro é estruturado como uma batalha de vontades, com quatro indivíduos competindo pela alma de Will: um matemático, um terapeuta, uma estudante britânica chamada Skylar, que tem uma queda por ele, e seu amigo, Chuckie (Affleck).


A maior parte da narrativa consiste em sessões intensas entre Will e Sean, dois homens igualmente teimosos. Revelações psicológicas e divulgações emocionais são feitas sobre os seus respectivos passados. Will é um órfão que foi abusado por seu pai substituto na infância. Sean é um viúvo que ainda ama sua esposa, que morreu dolorosamente de câncer. Esses tipos de paralelos são, de fato, a maior fraqueza do roteiro. Até o final do filme, cada problema pessoal e interação social turbulenta foi bem resolvida.


Van Sant deve ter percebido que o conto é bastante previsível, pois ele impregna o filme com seu estilo, empregando elementos visuais que oferece recompensas emocionais. Como evidenciado em seus filmes, Van Sant dirige seu assunto favorito, sobre marginais, aqui ele investiga profundamente. E o resultado é um filme texturizado sobre os tipos de indivíduos que são raramente vistos em filmes convencionais em Hollywood. Rico em tom, Gênio indomável é engraçado, sem esforço alternando seus vários estados de espírito, muitas vezes dentro da mesma cena.


Dotada de boa aparência (ele se assemelha a Leonardo DiCaprio), Damon dá uma performance carismática em um papel exigente.


No filme, Williams é mais silencioso, mais sutil e muito mais satisfatório. O resto do elenco é uniformemente bom, com o trabalho de destaque da garota que muda a vida de Will.


Gênio indomável é um filme excelente.


#Compartilhar
Traduzido Por: Mais Template - Designed Seo Blogger Templates